Certificado digital A1: tudo que você precisa saber

Felix Schultz
Felix Schultz
Certificado digital A1: tudo que você precisa saber

O certificado digital A1 é um dos principais validadores do mercado. Ele garante a validade jurídica das transações digitais e traz agilidade para a rotina empresarial, sem deixar de lado a segurança.

Por esse motivo, o A1 é um modelo de certificação essencial para facilitar processos, obter eficiência e economizar espaço e tempo. A questão é: quais são os principais detalhes sobre esse assunto?

É o que apresentamos neste post. Então, que tal saber mais?

O que é o certificado digital A1?

O certificado digital A1 é um validador instalado no dispositivo desejado e permite que as transações digitais sejam asseguradas. Ele tem validade de 1 ano e substitui a assinatura de documentos em papel. Por exemplo, procurações, diplomas, contratos, prescrições médicas e atestados.

Vale a pena destacar que todo certificado digital tem a função de identificar pessoas físicas e jurídicas em documentos digitais e sistemas. Portanto, é como uma identidade virtual.

No mercado, existem as opções A1 e A3. A primeira é a mais utilizada, porque diminui a necessidade de configurações. Ele também pode ser emitido via videoconferência ou presencialmente.

Para que serve o certificado digital A1?

A função desse recurso é automatizar algumas atividades e permitir que elas sejam realizadas de forma online. Algumas delas são:

  • assinatura e envio de documentos pela internet;
  • envios de declarações empresariais;
  • autenticação de operações bancárias;
  • acesso a ambientes virtuais com segurança;
  • validação de notas fiscais — inclusive da NFS-e, a Nota Fiscal de Prestação de Serviços —, Conhecimentos de Transporte Eletrônicos (CT-e) e Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e).

Em todos esses casos, o certificado digital A1 assegura a validade jurídica. Por isso, ele desburocratiza os processos e gera economia de tempo.

Quais são os benefícios desse certificado?

O modelo A1 oferece várias vantagens para quem adquire esse certificado. As principais são:

  • utilização simultânea. Ou seja, diferentes pessoas podem usá-lo em vários computadores sem ter problemas;
  • acesso remoto, caso o certificado A1 esteja instalado em outra máquina;
  • redução de riscos de perdas e extravios, já que ele é instalado direto no computador. Assim, somente pessoas autorizadas terão acesso a ele;
  • diminuição dos custos de aquisição. Isso porque o uso de periféricos externos são dispensados, como cartão e leitora.

Quem emite o certificado digital A1?

O certificado digital precisa ser emitido por uma Autoridade Certificadora (AC). Ela ainda precisa ser regulamentada e regularizada pela Infraestrutura de Chaves Públicas (ICP-Brasil) e o Instituto Nacional da Tecnologia da Informação (ITI).

Como conseguir esse certificado digital?

Agora que você viu os principais detalhes sobre o assunto, está na hora de ver o passo a passo necessário para a emissão do certificado digital A1. Confira o que fazer.

Escolha a autoridade certificadora

Comece selecionando uma AC que seja habilitada pela Receita Federal e credenciada pelo ICP-Brasil. O preço cobrado dependerá do fornecedor, das necessidades da sua empresa e do orçamento disponível.

Faça a compra do certificado digital A1

Verifique as formas de pagamento disponíveis e pague a ferramenta. Nesse momento, é preciso preencher toda a documentação. Apenas tome cuidado, porque os dados precisam estar de acordo com as normas vigentes pela legislação. Além disso, precisam ser comprovados.

Agende uma validação presencial

Você precisará marcar uma visita física a uma agência da empresa fornecedora da certificação. Todos os documentos da etapa anterior devem ser apresentados. Dentre eles, estão:

  • documento de constituição da empresa, como o contrato social, o estatuto ou o requerimento de empresário;
  • alterações contratuais, se existirem;
  • documento de definição ou eleição da diretoria atual, se for o caso;
  • cartão do CNPJ regularizado, que deve ser impresso 1 dia antes da validação presencial.

Normalmente, existem documentos específicos. Eles variam de acordo com o tipo de empresa e seu segmento de atuação. Assim, é possível obter o aval e a liberação do certificado digital.

Instale o certificado digital A1

Para isso, você precisa seguir algumas etapas. Elas podem mudar de acordo com o emissor. De forma geral, os principais passos são:

  • separe o e-mail de aprovação do pedido para ter acesso ao número do pedido e o código de instalação;
  • baixe o Java, caso ainda não o tenha instalado no computador;
  • faça o download do assistente de instalação e execute o arquivo. Aqui, você precisará incluir o número do pedido, o código de instalação e o CPF ou o CNPJ.

Agora, você entende o que precisa fazer para obter o seu certificado digital A1 e para que ele serve. Válido para todos os tipos de empresas, é uma alternativa válida para aumentar a eficiência dos processos e melhorar a produtividade da sua equipe. Inclusive, naquilo que se refere à parte fiscal.

Então, quer saber mais sobre um regime tributário para ficar em dia com a Receita Federal? Saiba o que é, como emitir e quem se enquadra no Simples Nacional.

Notebook com a tela aberta no teste grátis do software da BomControle.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *